Pular para o menu

Acidente na PetroRecôncavo (BA) mata trabalhador

Publicar no Na Hora: 
Publicar no Na Hora
Chapéu: 
Precarização
Chamada: 
Terceirizações e privatizações tem aumentado riscos de acidentes

A precarização das condições de trabalho, fruto das terceirizações e privatizações tem aumentado os riscos de acidentes.

Na madrugada desta segunda, 27 de agosto, Lucian Nobre Santos, 28 anos e torrista da empresa PetroRecôncavo (onde trabalhava há mais de cinco anos) foi vítima de um acidente fatal, quando realizava a atividade de intervenção de limpeza em poço terrestre na sonda PR-02.

Imagem para destaque: 
destaque
Crédito da imagem: 
Arquivo
Publicar no destaque principal: 
off
Publicar no destaque secundário: 
Publicar no destaque secundário
Compartilhar:

Demissão em massa deve ser negociada com sindicatos, entende TRT-BA

Publicar no Na Hora: 
Publicar no Na Hora

O Tribunal Regional do Trabalho (TRT) da 5ª Região, com sede na Bahia, considerou irregular a dispensa de 400 trabalhadores pela Novelis, fabricante de produtos laminados de alumínio. A demissão acompanhou o fechamento da fábrica de Aratu, na Bahia, em dezembro do ano passado. Para o TRT, a companhia não poderia ter demitido esse número de empregados sem, antes, negociar as condições com o sindicato dos metalúrgicos.

Crédito da imagem: 
Arquivo
Publicar no destaque principal: 
off
Publicar no destaque secundário: 
off
Compartilhar:
Divulgar conteúdo