Pular para o menu
1591801004
Prevenção

Coronavírus | SINDIPETRO-RN e Prefeitura de Guamaré farão ação conjunta no Polo Guamaré

10 de June de 2020 às 11:56

destaque

Foto: Deivson Mendes

Em reunião online realizada nesta terça-feira, 09, via Google Meet, a diretoria do SINDIPETRO-RN firmou uma parceria com a Prefeitura de Guamaré para realizar medidas de prevenção contra a COVID-19 no Polo de Guamaré. O debate contou com a participação dos dirigentes sindicais, Allan David, José Araújo, Márcio Dias, Pedro Idalino, Francisco Amaral(Campina), Rafael Matos e o Coordenador da Atenção Básica de Guamaré, Jarbas Paiva.

No início da reunião o diretor José Araújo fez um relato sobre o descaso da Petrobrás no combate ao coronavírus nas áreas da Estatal. “A Petrobrás vem sonegando informações ao Sindicato sobre as políticas de prevenção e higienização nas áreas da empresa, hoje são 200 pessoas embarcadas no Polo Guamaré, dentro de um regime de trabalho de 21x21 dias, aos quais não temos informação se estão sendo testados”.

Cerca de 60% dos trabalhadores tem residência na região, nas cidades de Macau, Pendências, Alto do Rodrigues, Guamaré, Baixa do Meio e outras comunidades. “A Empresa diz que está fazendo o monitoramento da saída e entrada desses trabalhadores, mas não fornece transparência em medidas de segurança ao Sindicato e nem aos munícipios, colocando em risco a vida dos funcionários e seus familiares”, explica Araújo.

O dirigente ainda alerta que do dia 1º de junho ao dia sete, o Sindicato tinha conhecimento de apenas um caso de contaminação no Polo, mas agora esse número subiu para 20. Um crescimento vertiginoso e ascendente de casos sem qualquer tipo de monitoramento.

O Coordenador do SINDIPETRO-RN em exercício, Rafael Matos, informou que o Sindicato tem feito diversas notificações à Petrobrás cobrando medidas de segurança e higienização nas áreas. Ações jurídicas também já foram aplicadas, além de outras que também estão em andamento.

Outra preocupação do Coordenador, é o possível retorno do trabalho presencial dos trabalhadores que estão atuando em home office. A Petrobrás já emitiu comunicados informando do retorno das atividades em duas fases que serão coordenadas pela Estrutura Organizacional de Resposta (EOR) e GT Teletrabalho. De acordo com Rafael a decisão antecipada pode causar aumento nos casos de infectados nas bases, visto que ainda não atingimos o pico da pandemia.

A partir do que foi informado, o Coordenador da Atenção Básica de Guamaré, Jarbas Paiva, informou que a cidade decretou lockdown no último dia 8. “A iniciativa foi necessária devido o aumento no número de casos no município e a necessidade de medidas mais radicais no sentido de frear o número de infectados, fazendo reduzir a curva evolutiva da contaminação na cidade”, explica o coordenador.

De acordo com o último boletim epidemiológico divulgado pela Prefeitura de Guamaré, foram contabilizados 31 casos suspeitos, 154 casos descartados e 122 confirmados.

Para evitar que os números de contaminação cresçam em áreas da Petrobrás o sindicato e a prefeitura de Guamaré articulam ações jurídicas e de desinfecção no processo de desembarque dos trabalhadores do Polo. A próxima reunião para definir os detalhes das ações será na próxima terça-feira, 16. 

A diretoria do SINDIPETRO-RN informa que essa mesma articulação também será feita nas prefeituras de Macau, Pendências e Alto do Rodrigues.

Compartilhar: