Pular para o menu
1278431209
Lucros

Trabalhadores aprovam PLR e Acordo é assinado

Negociação garante o mesmo piso pago no ano passado quando o lucro da Empresa foi maior

06 de July de 2010 às 12:46

destaque

Foto: Arquivo

Em assembléias realizadas no período de 28 de junho a 2 de julho, os trabalhadores petroleiros do Rio Grande do Norte aprovaram, por ampla maioria (88%), a proposta de quitação da Participação nos Lucros e Resultados – PLR/2009, apresentada pela Petrobrás à FUP, no último dia 22 de junho. A proposta garante o mesmo piso pago no ano passado, quando a Empresa teve um lucro maior, sendo que, naquela oportunidade, o valor só foi conquistado após a realização de uma greve de cinco dias. A assinatura do Acordo foi realizada na sede da Empresa, na tarde do último dia 5 de julho, e a Petrobrás comprometeu-se com o pagamento no próximo dia 13.

Outras proposições – Além de aprovar a proposta de PLR, as assembléias de trabalhadores apreciaram outras três proposições: 1) A de realização de uma contribuição assistencial, no valor de 1% do salário base, como forma de fortalecimento da ação sindical, sendo 0,5% destinado ao Sindicato e 0,5% repassado à FUP; 2) a ratificação da pauta de reivindicações aprovada na II PlenaFUP, e que deverá ser negociada com a Petrobrás e subsidiárias, na próxima campanha reivindicatória; e, 3) o credenciamento da FUP como entidade legítima para estabelecer e desenvolver o processo negocial com a Companhia. As três proposições também foram aprovadas por ampla maioria.

Cláusulas econômicas – Na próxima Campanha Reivindicatória apenas as cláusulas econômicas estarão em discussão, uma vez que a validade do atual Acordo para as cláusulas sociais, vai até 2011. A FUP pretende entregar a Pauta Econômica à direção da Petrobrás no próximo dia 12 de julho, realizando a primeira rodada de negociação até o dia 20. Nos dias 12 e 13 de julho, o SINDIPETRO/RN promoverá manifestações e atos públicos nas principais bases do Estado, a fim de iniciar as mobilizações da categoria para mais esta luta. Antes disso, porém, a FUP deverá reunir-se com o RH da Empresa para cobrar compromissos assumidos quando do estabelecimento da Carta Compromisso.

Compartilhar: